Movimento “Salvem o Cine Excelsior” completa 1 ano de lutas

O texto a seguir foi publicado originalmente no blog do Movimento “Salvem o Cine Excelsior”, do qual sou um dos colaboradores, retratando um ano de lutas completados em 26 de novembro de 2012:

Há um ano, o jornal Tribuna de Minas publicava a imagem das cadeiras do Cine Excelsior sendo jogadas em um caminhão.

Quem soube da notícia lamentou o fato. Mas ficou só nisso. Se não fosse pela publicação da seguinte imagem, via Maria do Resguardo e História do Cinema Brasileiro, no Facebook, jamais haveria mobilização.

Como o Facebook permite que vários perfis sejam marcados nas poltronas da imagem acima, as manifestações de pesares e indignação foram inúmeras, que se multiplicaram com o recurso de compartilhamento.

A partir daí, com a reunião de algumas pessoas como o cineasta Franco Groia e o arquiteto Alessandro Driê além de membros do Coletivo Sem Paredes, o Movimento “Salvem o Cine Excelsior” surge para reverter esta situação e brigar para a criação de mais um espaço cultural na carente Juiz de Fora.

Logo, foi criado um abaixoassinado em prol do Cine Excelsior. E surgem algumas manifestações nas ruas, como por exemplo, a Caravana dos Palhaços do Mezcla, que promoveram uma choradeira em frente ao cinema.

Diante da pressão criada pelo Movimento, a até então passiva Prefeitura de Juiz de Fora resolve embargar a obra.

Já no começo deste ano, a Câmara de Juiz de Fora abre espaço para o Movimento com a Tribuna Livre.

E o aniversário do Cine Excelsior não passa em branco, com direito a festa, bolo e a aproveitando a presença da Orquestra Voadora no Parque Halfeld para cantar os parabéns.

 

O Movimento “Salvem o Cine Excelsior”, em seguida, envia um pedido pela preservação material e imaterial do espaço ao COMPPAC.

O pedido é realizado antes da Audiência Pública, em que foi debatida a questão junto aos Vereadores.

No entanto, este esforço foi menosprezado quando o COMPPAC nega o nosso pedido de Tombamento e Declaração de Bem de Interesse Cultural.

A Câmara Municipal, por meio dos Vereadores José Sóter de Figuerôa Neto, Betão Cupolillo e Flávio Cheker, aprova Moção de Repúdio à decisão do COMPPAC, e uma Moção de Apoio ao nosso Movimento.

Quando todos pensaram que o Movimento estava acabado, uma nova obra teve início no Cine Excelsior. Por pouco, graças à nossa reação, impedimos a transformação do espaço em um templo religioso.

Por fim, diante do descaso do Poder Executivo, o Movimento sobrevive e completa 1 ano de ativismo em defesa deste importante espaço cinematográfico.

A importância cultural do Cine Excelsior e a vontade pela sua preservação extrapolam as fronteiras do município de Juiz de Fora. O abaixo-assinado criado pelo Movimento teve o apoio expontâneo de cidadãos das mais variadas cidades do país e até do exterior (como Atlanta, Lisboa, Maputo, Paris e Versailles).

No Brasil, o Movimento “Salvem o Cine Excelsior” obteve assinaturas de apoiadores nos seguintes municípios: Angra dos Reis (RJ), Atibaia (SP), Barbacena (MG), Barra Mansa (RJ), Barra do Piraí (RJ), Belmiro Braga (MG), Belo Horizonte (MG), Bicas (MG), Bom Jardim de Minas (MG), Brasília (DF), Cambuquira (MG), Campinas (SP), Caratinga (MG), Cariacica (ES), Cataguases (MG), Comendador Levy Gasparian (RJ), Conselheiro Lafaiete (MG), Contagem (MG), Coronel Fabriciano (MG), Curitiba (PR), Curvelo (MG), Fortaleza (CE), Florianópolis (SC), Governador Valadares (MG), Guarulhos (SP), Herval D’Oeste (SC), Ilhéus (BA), Ipatinga (MG), Joaçaba (SC), Juiz de Fora (MG), Jundiaí (SP), Lavras (MG), Leopoldina (MG), Lima Duarte (MG), Londrina (PR), Machado (MG), Mariana (MG), Maringá (PR), Matias Barbosa (MG), Mogi das Cruzes (SP), Montes Claros (MG), Muriaé (MG), Muritiba (BA), Natal (RN), Niterói (RJ), Ouro Branco (MG), Ouro Preto (MG), Palhoça (SC), Palma (MG), Paraíba do Sul (RJ), Parati (RJ), Pedro Leopoldo (MG), Petrópolis (RJ), Pirajuí (SP), Poços de Caldas (MG), Porto Alegre (RS), Pouso Alegre (MG), Pouso Alto (MG), Recife (PE), Ribeirão Bonito (SP), Rio de Janeiro (RJ), Rio Claro (SP), Rio Novo (MG), Salvador (BA), Santana do Deserto (MG), Santos Dumont (MG), Santa Rita do Sapucaí (MG), São Bernardo do Campo (SP), São Gonçalo (RJ), São João Del Rei (MG), São João Nepomuceno (MG), São José do Rio Preto (SP), São Leopoldo (MG), São Paulo (SP), Taubaté (SP), Teresina (PI), Timon (MA), Três Rios (RJ), Ubá (MG), Varginha (MG), Viçosa (MG) e Vila Velha (ES).

Agradecemos a você, visitante do blog, por nos apoiar durante este tempo, participando das nossas ações, compartilhando os nossos textos, ou mesmo lendo os nossos textos. A nossa gratidão também vai para setores da Imprensa, que nos tem apoiado com a divulgação dos fatos.

E esperamos a vitória final do Movimento para breve! Que viva o Cine Excelsior!

Fonte: Movimento “Salvem o Cine Excelsior”


Leia o post anterior:
Fechado para reforma

Matéria publicada no blog Desinformadosss, de 17 de junho de 2012.

Fechar